Qual é a melhor hora para fazer um implante capilar?

implante-capilar-fortaleza-ceara-doutor-davi-pontes

Não há um momento certo para a realização do transplante capilar, tudo depende da vontade do indivíduo, porém, para pacientes com menos 25 anos, normalmente indica-se a realização de tratamentos clínicos a base de loções, polivitamínicos e medicamentos para retardar a queda capilar.

Leia mais...

O que é transplante capilar?

Implante-capilar--fortaleza-ceara-tratamento

É um procedimento cirúrgico no qual os folículos capilares de uma área doadora (mais densa e cheia de cabelos) são transferidos para uma área receptora (menos densa que a área doadora).

Leia mais...

Existe uma idade mínima para fazer a cirurgia?

SITE-MED

Tecnicamente não, mas vários especialistas preferem esperar até que o candidato tenha pelo menos 25 anos de idade.
Muita gente pensa que o transplante é melhor para as pessoas jovens, porque os resultados são melhores nos casos mais leves de calvície, mas isso não é verdade.

Leia mais...

Detalhes sobre Implante capilar

implante-capilar22

O microimplante é a modalidade mais minuciosa de todas, pois o processo é feito lentamente, uma parte de cada vez, justamente pra não dar aquele aspecto compacto de um bloco único de cabelo. Primeiro é cortada uma faixa de pele com aproximadamente três mil fios com folículos – as raízes – da parte de trás da cabeça, que é a região doadora. Através de um enxerto com agulha, eles são transferidos para a área calva, um fio por vez ou no máximo de 3 em 3. Se houver alguns fios na região, uma penugem pelo menos, é ainda melhor, pois o cirurgião saberá o sentido do crescimento dos fios, facilitando o trabalho e o resultado. Se não souber ele implanta os fios de maneira assimétrica, misturando o movimento dos fios.

Leia mais...

Saiba tudo sobre Implante Capilar

implante

O tratamento da calvície pode ser feito através do uso de medicamentos ou através do implante capilar, que é indicado para causas de queda de cabelo em que houve total comprometimento do folículo piloso, ou seja, nas situações em que existe a atrofia ou destruição do cabelo.

A grande evolução da cirurgia de implante capilar ocorreu em 1996, quando foi descrita a unidade folicular. Esta estrutura é composta pelo fio de cabelo, o músculo piloeretor e uma glândula sebácea, sendo que em uma unidade folicular podem existir de um a quatro fios.

Leia mais...

Botox para transpiração no couro cabeludo

botox-capilar

Enquanto a oleosidade capilar pode ser controlada utilizando um shampoo com ácido salicílico, a transpiração no couro cabeludo exige outro tipo de tratamento.

De acordo com a revista americana Beauty Magazine, o Botox, utilizado para tratar a transpiração excessiva nos pés, palmas das mãos e axilas, também pode ser aplicado no couro cabeludo.

Leia mais...

O PH do Cabelo

ph-do-cabelo

O pH é uma característica de todas as substâncias, determinado pela concentração de íons de Hidrogênio (H+) ou íons de Hidroxila (OH).

Os valores variam de 0 a 14, sendo que valores de 0 a 7 são considerados ácidos, valores em torno de 7 são neutros e valores acima de 7 são denominados básicos ou alcalinos. Quanto menor o pH de uma substância, maior a concentração de íons H+ e menor a concentração de íons OH-.

Leia mais...

Efeitos do estresse nos cabelos

estresse-nos-cabelos

O estress tanto físico como mental podem causar alterações na saúde do cabelo.

Tendo como base um estudo desenvolvido no departamento de Dermatologia da Universidade-Hospital de Schleswig-Holstein e da Universidade de Lübeck esta reacção do organismo como consequência de alterações no modo de vida quer por alterações no trabalho, desemprego, crise financeira, morte, doença de pessoas queridas e problemas de relacionamento alteram o perfil hormonal que em determinadas circunstâncias provoca perda de cabelo. Os dados obtidos permitem esboçar uma explicação biológica de como o estresse/stress pode desencadear ou agravar eflúvio telógeno e alopecia areata.

Leia mais...

O que é a Queda de Cabelo?

queda

A queda de cabelo pode variar desde uma rarefacção ligeira do cabelo até à calvície total. O cabelo pode caír por muitas razões diferentes e essa queda de pode ser incluída em diferentes categorias:

Eflúvio capilar telogénico — Esta forma comum de queda de cabelo ocorre dois ou três meses após um stress corporal significativo (como uma doença prolongada, cirurgia major ou infecção grave). Pode igualmente ocorrer após uma alteração súbita nos níveis hormonais, especialmente nas mulheres após o parto. Podem cair quantidades moderadas de cabelo de todas as zonas do couro cabeludo que podem ser observados numa almofada, na banheira ou numa escova de cabelo. Embora o cabelo possa parecer mais fino, é raro observar grandes áreas de alopécia.

Leia mais...

Queda de cabelo: causas, diagnóstico, tratamento e prevenção para homens e mulheres

queda

Os cabelos são pelos que nascem na cabeça dos seres humanos e em outras partes do corpo, formados por um bulbo e por uma haste. Normalmente, cumprem um ciclo no qual muitos deles surgem, crescem e caem, para serem substituídos por outros.

Cada pessoa normal tem cerca de 120.000 fios de cabelos, que crescem, em média, um centímetro por mês. A vitalidade deles depende do estado de saúde do indivíduo, bem como do uso de antibióticos, de tinturas ou de outras substâncias. Sua cor é determinada por um pigmento chamado melanina. O branqueamento dos fios, que advém com a idade, deve-se à redução dos melanócitos.

Historicamente, o cabelo sempre teve muita importância para as pessoas, seja por razões estéticas, seja por outras mais pragmáticas (proteção contra traumas, variações de temperatura, proteção contra os raios do sol, etc) ou mitológicas (Medusa, Ísis, Shiva, Sanção e Dalila, etc).

Grande número de homens se angustia muito ante a perspectiva de ficarem carecas e muitas mulheres temem ficar com os cabelos ralos ou quebradiços e dispendem muito tempo e dinheiro para torná-los “bonitos” (o que nem sempre é a mesma coisa que “saudáveis”).

Leia mais...

Alopecia - Queda de Cabelo

Alopecia

Toda a alteração que afete o couro cabeludo e os cabelos de uma pessoa, e altere a sua aparência física, pode ter um impacto importante sobre a sua auto-estima e a sua personalidade.

A perda de cabelos pode ter sérias conseqüências emocionais, tanto para homens como para mulheres.

Olhando para a história da humanidade, o homem sempre se preocupou com o cabelo. Além de oferecer a proteção ao crâneo contra traumatismos, e radiações solares, os cabelos representam um adorno sexual importante. A adoração aos cabelos atingiu os impérios, a religião, a mitologia, a cultura, as classes sociais e a ciência.

Leia mais...

Queda de cabelo na mulher

cabelo-feminino

A queda de cabelo na mulher é uma queixa freqüente nos consultórios dos dermatologistas e pode se tornar um grande pesadelo para muitas mulheres. Muitas já tentam vários tratamentos por conta própria sem obter sucesso e só então procuram um médico. Várias são as causas da queda excessiva de cabelo na mulher que devem ser pesquisadas e, conseqüentemente, diferentes são as formas de tratamento.

Leia mais...

10 passos para fazer o cabelo crescer mais

dicas cabelos

Se seus fios pararam no tempo ou crescem a passo de tartaruga, siga nossas dicas e vire o jogo.

1. Massageie o couro cabeludo

Para que os fios cresçam, o sangue deve circular no couro cabeludo. Assim, a fibra do cabelo recebe os nutrientes necessários para os fios se desenvolverem. Durante a lavagem, faça movimentos circulares em toda a cabeça com a ponta dos dedos (sem as unhas) por dois minutos.

Leia mais...

Os principais vilões da saúde dos cabelo

saude-cabelo

Para muitas pessoas, o cabelo é parte mais valorizada do corpo. As mulheres, principalmente, não se sentem completas com um cabelo descuidado. E hoje em dia, muitos homens também se sentem incomodados com pouco cabelo ou com o descuido. Por isso, é importante saber quais são os vilões que provocam a queda de cabelo e como preveni-los.

A queda é a uma forma de renovar os cabelos. Por dia eliminamos cerca de 100 fios, mas caso o volume de cabelos que cai seja maior do que essa quantidade, é necessário investigar as causas.

Existem vários fatores determinantes para a queda de cabelo, mas elas devem ser avaliadas de acordo com cada pessoa. A genética muitas vezes pode ser a causa da queda e, neste caso, poucas vezes há precaução, mas há vários tratamentos estéticos que revertem esta situação, como o transplante no couro cabeludo.

Leia mais...

Proteína impede calvície e cabelos brancos…

cabelos-brancos

Um estudo inédito sobre células-tronco capilares descobriu a proteína responsável pelo crescimento e coloração dos cabelos. Há décadas, cientistas sabem que as células-tronco dos folículos capilares e dos melanócitos, as células produtoras de pigmento, interagem de alguma forma para produzir cabelo colorido. Até agora, no entanto, ninguém sabia exatamente como.

Em um trabalho publicado na Cell, uma das mais importantes revistas científicas do mundo, a Dra. Mayumi Ito, da Universidade de Nova York, descobriu que uma proteína conhecida como Wnt é essencial nesse processo. O estudo feito em ratos mostrou exatamente como os caminhos sinalizadores da proteína Wnt permitem que as células-tronco dos folículos e dos melanócitos trabalham juntas para gerar o crescimento capilar e produzir pigmentos.

Leia mais...

Queda de Cabelo Feminino

queda-de-cabelo-mulher

Há pouco tempo atrás a queda de cabelo era considerada um problema estritamente masculino e as mulheres que sofriam deste problema eram ignoradas. Quando os especialistas investigaram o assunto perceberam que é um problema complexo, talvez até mais complexo que a queda de cabelo masculina.

A queda de cabelo nas mulheres é complexa porque existem dezenas de causas para uma mulher ter queda de cabelo e pode ser difícil identificar qual é a causa. Felizmente existem algumas dicas para reconhecer se é vitima do DHT ou outros hormônios.

Leia mais...

Estresse pode provocar queda dos cabelos

estresse-cabelo

Perceber que os cabelos estão caindo é aflitivo e fica difícil contornar o pânico ao perceber que os fiozinhos que ficam no ralo depois do banho, presos na escova ou ainda solto no travesseiro e nas roupas viraram tufos com volume assustador. Muitas vezes confundida com a calvície, ou simplesmente atribuída a falta de cuidado com os cabelos, a perda dos fios não é ligada imediatamente ao mal que acomete boa parte da população mundial: o estresse. No entanto, ele pode atacar de forma devastadora e destruir a mais bem cuidada das cabeleiras.

Leia mais...